Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ar da Guarda

"Livre não sou, mas quero a liberdade. Trago-a dentro de mim como um destino." Miguel Torga

Ar da Guarda

"Livre não sou, mas quero a liberdade. Trago-a dentro de mim como um destino." Miguel Torga

As palavras



Em trânsito 
resvalas neste sopro. 
Sabes 
que tens o olhar ferido 
desde sempre, que o incêndio 
das palavras em trânsito celebra 
prescritas sílabas, ancorados 
ritos, desprevenidos 
equinócios. 
Dantes, 
havia um mar crispado 
na fissura dos lábios. Hoje, apenas 
algumas gotas de sal. 

Albano Martins, O Mesmo Nome(1996)