Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ar da Guarda

"Livre não sou, mas quero a liberdade. Trago-a dentro de mim como um destino." Miguel Torga

Ar da Guarda

"Livre não sou, mas quero a liberdade. Trago-a dentro de mim como um destino." Miguel Torga

...

busca o ponto da tarde

em que o sol encontra a preguiça

e relaxa e aproveita e goza o dia

 

quando o desejo mais forte arde

procura a sombra e deixa que a caliça

do tempo vença a simpática apatia

 

e já entrada a breve noite

o sono te leve suave e doce

nas asas da branca brisa do entardecer

 

assim terás quem te acoite

no seio imperfeito que antes fosse

a sensação de eternamente viver.

 

01.08.2013 - J M